09 maio 2007

JavaOne - 8 de Maio - sessões

Sessão de abertura, com Rich Green

Frase "The network is an upstoppable social force"

Estatísticas: 20 telemóveis por PC
Isto justifica dois dos anúncios principais. A nova plataforma Java FX é orientado para consumo, para os conteúdos móveis. Inclui como primeiro passo o JavaFX Script, uma nova scripting language para criação de conteúdos
Apresentou também o Java FX Mobile Phone, um telemóvel com o JavaFX Mobile, uma plataforma para telemóvel com Java SE (sim Java SE, não é erro) e JavaFX num kernel Linux
kernel. Tem por trás 2.000 milhões de telemóveis com Java.

Foi apresentado a nova versão do servidor aplicacional Java open-source, o Glassfish v2. Um dos pontos principais é o suporte de Ruby. O Glassfish vai ter uma contribuição (open-source) da Ericsson, o SIP, parte do protocolo IMS (IP multimedia subsystems)

O novo Real Time Java v2.0 vai ser utilizado no NASDAQ, que já faz 150.370 transacções por segundo

Todos os dispositivos Blue-ray usam Java para aumentar a interactividade

Crescimento de utilizadores de Netbeans no ultimo ano: 92 %

E finalmente, foi hoje libertado o código do JDK, e criado o Interim Governance Board que vai criar o modelo de governação do JDK. Vai tambés ser disponibilizado o TCK (Compatibility Kit), que é o conjunto de testes que vai controlar a atribuição da marca Java.
Contudo, a procissão ainda vai no adro. O que está no site é o código do JDK 7, que ainda não está completado. O do JDK 6 que este sim está completo, será disponibilizado a seguir.
Há também outro problema. Há cerca de 35.000 ficheiros a constituir o JDK. Desses cerca de 2600 não têm copyright da Sun, e só se conseguiu licença para disponibilizar o código para 1600, mas sem ser em GPL. Os outros800 serão disponibilizados na forma binária. Estão já neste momento engenheiros a trabalhar para criar alternativas.

Sessão Java SE Present & Future

Já 2 milhoes de downlods de JDK 6
60 % PCs já são vendidos com o Java SE pre instalado.
90 % PCs com têm Java - o que dá 540 milhões

Principais características do Java SE 6:
Web Service API
Javascript engine (scripting.java.net), JRuby, Jython, Groovy, JavaFX Script
JDBC melhorado
Tuned for Vista
Annotations
Ferramentas de Troubleshooting: jmap jhat (mem), jstack (threads)
Msis rápido

Novo para o Java SE 7
Closures
Superpackages
JAMs para substituir os JARs, que não permitem versioning, nem dependências)
Maior facilidades no desenvolvimento de aplicações Swing

Sessão sobre SunSPOT
O SunSPOT é um projecto de laboratório, uma plataforma para aplicações de redes de sensores sem fios
Hardware:
CPU ARM 920T, 512KB Ram, 4MB Flash, Chipcom 2420 Radio paclcage, 2.4 Ghz, Power 40-100 mA
Sensores: aceleração/gravidade, temperatura, luz, giroscópio, bússula
2 Push -button, 8 leds, porta USB.
6 Analog to Digital Converters
Squack VM, bare metal (sem OS)

Foarm mostradas demos de utilização dos SunSPOT em ambiente de realidade virtual, com manipulação de objevtos com uma luva digital.
Tecnologias para isto: VRML, Java 3D, JOGL (Java Bindings for the OpenGL API), JOAL (Java Bindings for OpenAL/Sound 3d Toolkit)

Sessão Open Source Licensing Emergency Room Panel

Com:
Cliff Schmidt (CS)- Apache
Eben Moglen (EM)- Software Fredom Law Center
Simon Phipps (SP)- Sun Microsystems

Trechos do debate
EM: It has been good to Apache that IBM uses Apache in proprietary Websphere
EM: Imposing sending back patches is against Freedom
SP: It is difficult to combine different 58 licenses, and we need to assemble different products
CS: We have identified 9 main licenses, the others are nor needed
EM: Licenses were used to define communities. This is no longer needed
EM: Specific licenses exceptions to combine different licenses can be granted if justified
EM, CS: We are going to make GPL and Apache License compatible
EM: GPLv3 has been made to work the same way in every work
EM: Diplomacy and talk solves problems

Sessão OpenJDK Project Report

Objectivo: openjdk em Fedora e Debian no espaço de 1 ano
Governance board: 2 da Sun,3 da Comunidade
Assinada ao vivo a constituição do Interim Governance Board
Teamware substituido por Mercurial para source-code management
Codigo libertado é JDK 7, JDK 6 em breve Como ainda nao ha TCK 7, o codigo compilado pode ser usado livremente mas não pode ainda ser chamado Java
Existe um tutorial da Netbeans sobre como trabalhar sobre o openJDK

1 comentário:

Joao disse...

E relacionado com o OpenJDK (muito leia-se): Import do Openjdk em OpenBSD ja começou http://undeadly.org/cgi?action=article&sid=20070508192340